...

B. O. ANIMAL

Página de Registros, o Blog B.O.Animal ajuda a denunciar e arquivar casos testemunhados por Protetores e Simpatizantes da Causa Animal para não se deixar esquecer dos agressores (nem sempre punidos) e cúmplices de maus tratos e ocultação da verdade. Além de oferecer matérias importantes e interessantes sobre a vida animal, saúde, idade, alimentação, receitas caseiras, tirando dúvidas entre leitores sobre tratamentos e socorros!

Demos o primeiro passo, buscamos apoio e lutamos por Justiça às Vítimas, fatos que foram testemunhados e registrados por Protetores e Simpatizantes da Causa Animal são divulgados e arquivados, não conheceríamos os três maiores criminosos de outra forma: CAMILA CORREIA, DALVA LIMA DA SILVA e CLÁUDIO CÉSAR MESSIAS.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Moradores de Pinheiral e Internautas aguardam Justiça - Égua morta

Petição Pública exige Punição a Maus Tratos cometidos a Égua morta com golpes de Marreta

Égua é morta com marretadas



Na terça-feira (1/11), uma égua foi sacrificada brutalmente em Pinheiral (RJ), após de ter caído na Rua Alagoas, no bairro Parque Mayra, possivelmente vítima de um acidente. Moradores acreditavam que ela tinha sido atropelada por um trem e que estava ferida, já que o bicho andou poucos metros e caiu.
Funcionário da Defesa Civil de Pinheiral (RJ) sacrificando o animal -
Reprodução: YouTube



 A prefeitura foi avisada e enviaram a Defesa Civil para verificar o que houve. Ao chegar ao local, sem um veterinário presente, o funcionário decidiu sacrificar o animal dando marretadas em uma ponteira (ferramenta utilizada em obras para abrir pequenos buracos em concreto) na cabeça do bicho, na frente de crianças e dos munícipes, que eram contra a essa atitude.
O suspeito do ato é o coordenador da Defesa Civil (identificado apenas como ROBSON DE OLIVEIRA CASSIANO). A reportagem entrou em contato com a prefeitura para apurar o caso, mas não quiseram fornecer informações precisas, como o nome completo do funcionário, e se recusaram a dar entrevista. A assessoria limitou-se apenas a dizer que abriram uma sindicância para apurar o que aconteceu e que não podem dar mais informações.
O caso só repercutiu porque o morador Ronaldo de Paula dos Anjos registrou tudo em um vídeo e postou no YouTube. Não tenho nem coragem de expor aqui o endereço, mas quem tiver coragem e estômago para ver, basta pesquisar no site “égua” e “Pinheiral”. Mas alerto que as cenas chocantes! Em entrevista ao jornal Diário do Vale, Ronaldo disse que o sacrifício “parecia um filme de terror”.
No vídeo é possível ver que o animal, mesmo após ser atingido várias vezes na cabeça, continua se movimentando e respirando. As últimas cenas são da égua sendo arrastada e jogada em uma retroescavadeira. Segundo informações dos moradores que presenciaram a cena, ela teria sido enterrada ainda viva, em uma cova improvisada em um terreno ao lado.
Revoltados, os munícipes registraram B.O. sobre o que havia ocorrido, formalizando a queixa no 101.º DP. O suspeito foi intimado a comparecer no distrito e na quinta-feira deverá prestar esclarecimentos.

Rottweiler arrastado teve pata amputada


Cão arrastado por quarteirões em SP teve a pata amputada
PUBLICIDADE
MARÍLIA ROCHA
DE CAMPINAS

O rottweiler Lobo, arrastado pelo carro do dono por vários quarteirões na última quarta-feira (2), teve uma das patas dianteiras amputadas nesta segunda-feira. Ele perdeu muito sangue e teve rompimento no tendão depois do acidente, em Piracicaba (160 km de São Paulo).
O cão permanece em observação na clínica e sob os cuidados da ONG Vira-Lata Vira-Vida. A presidente da ONG, Miriam Miranda, contou que aplicaram células tronco no cão para acelerar a recuperação do membro, mas o sangue já não estava circulando no local.
Segundo ela, Lobo está calmo e, assim que se recuperar dos ferimentos, passará por um programa de inclusão que a ONG oferece a animais amputados.
"A prioridade é a recuperação dele. Queremos que o caso seja esclarecido, mas sem linchamento de ninguém", disse Miranda.
Segundo o depoimento de dois jovens à Polícia Civil, depois que avisaram o motorista do carro que o animal estava no chão, ele afirmou ser o dono do animal, mas disse que não o queria mais. Após desamarrar a corda que prendia Lobo ao carro, o proprietário foi embora.
O mecânico Claudio César Messias, dono do rottweiler, disse à polícia que o cão pulou do carro sem que ele notasse. Messias afirmou ainda que, quando parou o carro, achou que o animal estava morto e ficou nervoso, por isso saiu do local.
Miriam Miranda-03nov2011/Divulgação
Cachorro ferido após ser arrastado por carro em Piracicaba
Cachorro ferido após ser arrastado por carro em Piracicaba

ACIDENTE

Um dia depois de o rottweiler ser socorrido, o dono dele, Cláudio César Messias, disse à polícia que tudo foi um acidente.
Segundo Messias, o cão caiu do carro e, quando os dois jovens avisaram sobre o que estava acontecendo, ele achou que o animal havia morrido, por isso ficou nervoso e deixou o local.
A delegacia ainda apura as circunstâncias do acidente.
O presidente da Sociedade Piracicabana de Proteção aos Animais, Luis Américo Chittolina, afirmou que o proprietário do animal pode ser responsabilizado pelos danos e lembrou que a legislação prevê multa e até prisão de agressores.


Matéria passada:
http://boanimal.blogspot.com/2011/11/repercussao-do-caso.html